BELEZADICASMODA

Beauty Lovers: Como escolher o tom de base perfeito?

Hello Beauty Lovers!

Confesso que o tema de hoje não foi fácil de preparar, porque a escolha da base perfeita para casa tom e tipo de pele tem muito que se lhe diga. Mas não poderia ignorar esta questão tão importante para nós mulheres.

Como encontrar o tom de base perfeito? Pois, é uma pergunta difícil e feita por muitas de nós que, tentativa atrás de tentativa, nunca encontram a cor certa, ou quando finalmente a encontram numa certa marca, ao mudar de marca, passam por todo um processo demorado à procura do produto ideial. Quem já passou por este doloroso processo?

Uma novidade recente é que as meninas que têm um tom de pele mais escuro podem finalmente comprar bases que se adaptam à sua cor pele. De há alguns anos para cá, marcas como a Fenty e a MAC, trouxeram muitos mais tons e subtons para todas as cores de pele. As marcas de supermercado, como a Maybelline, começam já também a este movimento e a disponibilizar produtos com uma paleta dos tons mais claros aos mais escuros.

Como escolher a base perfeita em 7 passos?

1 – Descubram o vosso tom de pele

Utilizar uma base que não está no tom certo da nossa pele, pode ser um grande desastre e, nestes casos, é importante o chamado subtom. A nossa pele, tem três tons básicos, o quente, o frio e o neutro. E como descobrir qual o nosso? Simples, olhem para o vosso pulso e vejam as veias. Veias azuladas indicam tons frios, veias esverdeadas indicam tons quentes, uma mistura de ambas as cores indicam tons neutros. Nas bases, os tons quentes vêm normalmente em tons amarelados, dourados quando nas cores mais claras e tons dourados para vermelho-alaranjado nas cores mais escuras. Os tons frios vêm em tons mais rosas nas cores mais claras e em tons azul-vermelho ou verde-azeitona nas cores mais escuras. Os tons neutros têm uma mistura de ambos. Geralmente, os nomes das cores, nas bases, ajudam imenso, pois têm “warm” para quente ou “cold” para frio no nome.

2 – A cor do corpo também conta!

Por vezes, testamos a cor no rosto, que é onde vamos aplicar a base, mas deparamo-nos com o problema de que o nosso corpo está mais bronzeado que o rosto, pois está mais vezes exposto ao sol. Por isso, devemos ter em consideração sempre a zona do pescoço e do peito, que são as zonas mais próximas do nosso rosto e que irão ficar sem maquilhagem.
De qualquer das formas devemos sempre testar as bases no rosto para ver se a nossa pele reage bem aos produtos e se a cor fica homogénea com o resto do corpo.

3 – Cuidado com a iluminação!

Muitas vezes, compramos uma base que na loja nos ficou incrível mas quando a colocamos em casa ou usamos no dia a dia, acontece que fica mais escura ou mais clara do que o que nós esperávamos. E porquê? Porque a iluminação influencia também a cor da base e, por vezes, com a luz da loja a cor parece uma, mas na realidade, com a luz natural, não é bem assim.

4 – Testem, experimentem, perguntem!

Em primeiro lugar, quando vão a uma loja, não tenham medo de fazer perguntas, informarem-se ou pedir ajuda aos profissionais, porque ninguém melhor que eles vos vai aconselhar na hora de escolherem os melhores produtos de maquilhagem. Dirijam-se a lojas especializadas em beleza para que tenham sempre a certeza que têm quem vos ajude e que compram produtos de qualidade para a vossa pele.

Para além disso, quando vão comprar a vossa base, devem ir sem maquilhagem, para que possam perceber bem o vosso verdadeiro tom de pele. Usem e abusem dos tester, nada de medos ou vergonhas, testem os produtos nos pulsos, no pescoço, no rosto, etc, fotografem, tirem as referências do que experimentaram e apontem as marcas, para que nada vos escape! E a seguir? Vão-se embora! Sim, testem os produtos e se possível peçam amostras, para que possam deixar o produto na vossa pele, ver as reações, se se adapta ao tipo de pele que têm, se tem boa qualidade e durabilidade.

5 – Pesquisem!

Quando estão de olho numa base, não deixem de pesquisar na Internet e no Youtube, informações acerca desse produto, opiniões de pessoas que já usaram, resultados, etc. Informem-se sempre o máximo que puderem, mas não comprem apenas pelo que viram na Internet, este passo só faz sentido se for parte de um processo, onde todos os outros passos estão também incluídos, porque testar em nós é sem dúvida o mais importante!

6 – Instalem esta app

Quem diria que existe uma aplicação que nos ajuda a descobrir o nosso tom de base, nas diversas marcas mais usadas no mercado internacional? A aplicação chama-se “FindMyShade” e está disponível na Play Store e na App Store. Esta aplicação destina-se a encontrar o nosso tom de base nas diversas marcas existentes no mercado, temos apenas de colocar a marca de uma base que comprámos e que realmente nos assentou bem, o nome da base e o nome da cor, de seguida, é gerada uma lista com imensas marcas e bases diferentes e com o tom que se adaptará melhor á nossa pele. Depois é só chegar á loja e experimentar esse, ou outro próximo desse tom, o que reduz imenso as possibilidades e o tempo que demoraríamos a encontrar os tons mais perto do nosso.

7 – Base personalizada

E se já tivermos comprado uma base que é demasiado escura ou demasiado clara para nós, e não há como voltar atrás? Não acontece só convosco, comigo também acontece e, às vezes, compramos uma base errada e lá se foi o nosso dinheiro e a verdade é que não há mesmo como reavê-lo, a não ser se dermos uma nova vida á base errada e a tornarmos na certa! Sim, é possível!

Se têm em casa uma base mais clarinha e outra mais escura, podem misturar um pouco das duas na mão, antes de aplicar, para que dê um tom mais uniforme e aproximado do tom desejado. Ou então, podem também utilizar a mais clara na zona por baixo dos olhos e nas pálpebras, no centro da testa, no queixo, no nariz… E a mais escura na zona dos contornos do rosto e nas bochechas. Depois uniformizam tudo para que as duas se misturem nas zonas onde se encontram e não hajam grandes diferenças de cor. Para que este efeito seja o mais natural possível, utilizem uma esponjinha de maquilhagem, em forma de gota, vai ajudar imenso a espalhar o produto!

Se a vossa base “errada” é mais escura que o tom que necessitam, misturem-na com um bocadinho de creme hidratante ou de protetor solar branco, para que ajude a ficar mais fluída e mais próxima do tom pretendido. Se a base é demasiado clara, apliquem-na no rosto de forma a ficar com uma cobertura leve (não coloquem muito produto) e de seguida utilizem um pó matificante do vosso tom, por todo o rosto e finalizem com um pó bronzeador nas zonas dos contornos e das maçãs do rosto! Base aproveitada e personalizada! 😉

Espero que gostem deste artigo e que vos seja útil! 🙂

Beijinhos,

Patrícia Pereira
<3

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

Notify of
avatar